sexta-feira, 31 de dezembro de 2010


Que tudo se renove...
Pra que tanta inteligência?
Pra que tanta emoção?
Qualquer coisa em excesso faz sucesso meu irmão
Tanta gente com certeza
Quanta gente sem noção
Em excesso até o fracasso faz sucesso por aí
E eu tenho fé na força do silêncio

Se as cores vão berrando no sol ensurdecedor
Fecho os olhos… Outro mundo
Vou morar no interior
Transbordou a mesa ao lado
Um tsunami arrasador
Fecho os olhos… Outro mundo
Vou morar no interior
E eu tenho fé na força do silêncio

A fé que me faz
Aceitar o tempo
Muito além dos jornais
E assim mergulhar no escuro
Pular o muro
Pra onda passar

Vi um punk na farmácia atrás de protetor solar
Baile funk no plenário
Ambulância quer passar
Futebol, mesa-redonda, exorcista, camelô
A onda agora é outra onda
Um tsunami arrasador
E eu tenho fé na força do silêncio

A fé que me faz
Aceitar o tempo
Muito além dos jornais
E assim mergulhar no escuro
Pular o muro
Pra onda passar


 A força do silêncio- Cidadão Quem

Esquadros

Eu ando pelo mundo
Prestando atenção em cores
Que eu não sei o nome
Cores de Almodóvar
Cores de Frida Kahlo
Cores!

Passeio pelo escuro
Eu presto muita atenção
No que meu irmão ouve
E como uma segunda pele
Um calo, uma casca
Uma cápsula protetora
Ai, Eu quero chegar antes
Prá sinalizar
O estar de cada coisa
Filtrar seus graus...
 
Eu ando pelo mundo
Divertindo gente
Chorando ao telefone
E vendo doer a fome
Nos meninos que têm fome...

Pela janela do quarto
Pela janela do carro
Pela tela, pela janela
Quem é ela? Quem é ela?
Eu vejo tudo enquadrado
Remoto controle...

Eu ando pelo mundo
E os automóveis correm
Para quê?
As crianças correm
Para onde?
Transito entre dois lados
De um lado
Eu gosto de opostos
Exponho o meu modo
Me mostro
Eu canto para quem?

Pela janela do quarto
Pela janela do carro
Pela tela, pela janela
Quem é ela? Quem é ela?
Eu vejo tudo enquadrado
Remoto controle...

Eu ando pelo mundo
E meus amigos, cadê?
Minha alegria, meu cansaço
Meu amor cadê você?
Eu acordei
Não tem ninguém ao lado...

  Adriana Calcanhoto

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

O tempo passa, agente amadurece, cresce, fica mais forte, mais resistente, mais incistente... Evolui... Agente aprende que não vai ser tudo como agente quer, que as pessoas vão nos decepcionar, que vamos errar e acertar, vamos machucar pessoas, assim como elas vão nos machucar.  Com o passar dos anos, mudamos nossas opiniões, nosso modo de ver, de sentir, de amar, de se entregar... Passamos a entender certas situações e a não culpar ninguém nem se sentir culpado. 
Só tenho a agradecer, meu Deus, por me permitir mais um ano de vida, mais um ano de alegria, aprendizado, paz, saude... Mais um ano onde conheci pessoas maravilhosa que transformaram a minha vida, que se tornaram essenciais para mim.

Então parabens para mim. 
Tudo de bom sempre. 
Paz, amor, felicidade...
Muitos abraços, sorrisos sinceros
olhares que me digam mais que palavras.
Que eu consiga ultrapassar os dias sem 
pensar em passado ou futuro, mas no presente
no hoje e que eu o viva intensamente...


"eu quero continuar acreditando que dividir o sofá, o último pedaço do bolo e o travesseiro sejam a eternidade num piscar de olhos."

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

"Veja bem, foi você
A razão e o porquê
De nascer esta canção assim
Pois você é o amor
Que existe em mim"

Nossa Canção- Vanessa da Mata


"Eu só quero saber em qual rua
Minha vida vai encostar na tua
Eu quero te roubar pra mim
Eu que não sei pedir nada
Meu caminho é meio perdido
Mas que perder seja o melhor destino"

Encostar na Tua- Ana Carolina
"It's not always rainbows and butterflies
It's compromise that moves us along
My heart is full and my door's always open
You can come anytime you want"

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

É, mais uma vez o ano vai chegando ao fim, mais uma vez as coisas vão se renovar, para alguns apenas começar... E fica esse sentimento de despedida... Mas que tudo se renove, que venham coisas novas, coisas boas, novas pessoas, novos amores, novos caminhos... Que as escolhas sejam feitas com calma e certeza e se não houver tanta certeza que não haja arrependimento... Que sempre possa haver a volta, o perdão, a reconciliação... Que o ano que se aproxima seja esperança, tempo para quem não o tinha... Que seja repleto de paz, de amor, de carinho, de sol, de chuva, de céu com estrelas... De brisa suave... E que esse sentimento de despedida, seja só sentimento, que não seja de fato uma despedida... Que eu consiga contar os meses e comemora-los, aniversaria-los (se é que essa palavra existe)... Que seja a sequencia de dias felizes, de dias de luta, dias de gloria... E que o ano que vai ficando para tras, deixe boas lembranças, bons momentos, grandes aprendizados...
Que seja sempre novo, que haja sempre tempo, que fique o cheiro bom de roupa limpa, mas com o cheiro bom de quem agente ama....

Tah Alessandra

domingo, 26 de dezembro de 2010

"É uma saudade pós-saudade. Uma saudade sem o peso de uma saudade. Uma saudade sem a tortura de uma obsessão. Uma saudade de detalhes que só vem em sonhos que não me acordam antes das cinco. Uma saudade que não podia sentir quando estava cheio de saudade. Uma saudade que remete ao último gole do meu bourbon em copo de extrato de tomate. Uma saudade de quem aprendeu a conviver com o pôr do sol."

 Gabito Nunes
"Eu quero eternizar o seu sorriso lindo – mas eu nunca falei dele pra você. Nem falei do seu cheirinho bom. Que é o cheiro de uma nova vida que eu estava precisando tanto... E você nem sonha que eu sou meio ciumenta, bem chata, quero ser mãe e acredito no amor da minha vida. Acredito no amor pra sempre. Acredito em alma gêmea."


Tati Bernardi 
"Porque pra te amar mais, eu tenho que te amar menos. Porque pra morrer de amor por você, eu tive que não morrer. Porque pra ter você por perto um pouco, eu tive que não querer mais ter você por perto pra sempre.E eu soquei meu coração até ele diminuir. Só pra você nunca se assustar com o tamanho."

 Tati Bernardi


" Então, que não se arrependa. Da gente. Do que fomos. De tudo o que vivemos. Que você me guarde na memória, mais do que nas fotos. Que termine com a sensação de ter me degustado por completo, mas como quem sai da mesa antes da sobremesa: com a impressão que poderia ter se fartado um pouco mais. E que, até o último dia da sua vida, você espalhe delicadamente a nossa história, para poucos ouvintes, como se ela tivesse sido a mais bela história de amor da sua vida. E que uma parte de você acredite que ela foi, de fato, a mais bela história de amor da sua vida.”

Tati Bernardi

sábado, 25 de dezembro de 2010

"Eu entro nesse barco, é só me pedir. Nem precisa de jeito certo, só dizer e eu vou. Faz tempo que quero ingressar nessa viagem, mas pra isso preciso saber se você vai também. Porque sozinha, não vou. Não tem como remar sozinha, eu ficaria girando em torno de mim mesma. Mas olha, eu só entro nesse barco se você prometer remar também! Eu abandono tudo, história, passado, cicatrizes. Mudo o visual, deixo o cabelo crescer, começo a comer direito, vou todo dia pra academia. Mas você tem que prometer que vai remar também, com vontade! Eu começo a ler sobre política, futebol, ficção científica. Aprendo a pescar, se precisar. Mas você tem que remar também. Eu desisto fácil, você sabe. E talvez essa viagem não dure mais do que alguns minutos, mas eu entro nesse barco, é só me pedir. Perco o medo de dirigir só pra atravessar o mundo pra te ver todo dia. Mas você tem que me prometer que vai remar junto comigo. Mesmo se esse barco estiver furado eu vou, basta me pedir. Mas a gente tem que afundar junto e descobrir que é possível nadar junto. Eu te ensino a nadar, juro! Mas você tem que me prometer que vai tentar, que vai se esforçar, que vai remar enquanto for preciso, enquanto tiver forças! Você tem que me prometer que essa viagem não vai ser a toa, que vale a pena. Que por você vale a pena. Que por nós vale a pena. Remar. Re-amar. Amar."

Caio F.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

"Às vezes é preciso diminuir a barulheira, parar de fazer perguntas, parar de imaginar respostas, aquietar um pouco a vida para simplesmente deixar o coração nos contar o que sabe.
E ele conta. Com a calma e a clareza que tem. " 

Ana Jácomo


"Coragem, às vezes, é desapego. É parar de se esticar, em vão, para trazer a linha de volta. É permitir que voe sem que nos leve junto. É aceitar que a esperança há muito se desprendeu do sonho. É aceitar doer inteiro até florir de novo. É abençoar o amor, aquele lá, que a gente não alcança mais".


Caio Fernando Abreu

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Eu fecho os olhos
ignoro todos os benditos sinais que me dizem pra desistir...
me tranco no banheiro, ligo o chuveiro e choro até não poder mais...

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

"No iníco era um precipício
Um corpo que caía
Depois virou um vício, foi tão difícil
Acordar no outro dia"

Piano Bar- Engenheiros do hawaii
"seria mais fácil fazer como todo mundo faz
o caminho mais curto, produto que rende mais
seria mais fácil fazer como todo mundo faz
um tiro certeiro, modelo que vende mais
mas nós dançamos no silêncio
choramos no carnaval
não vemos graça nas gracinhas da tv
morremos de rir no horário eleitoral
seria mais fácil fazer como todo mundo faz
sem sair do sofá, deixar a ferrari pra trás
seria mais fácil, como todo mundo faz
o milésimo gol sentado na mesa de um bar
mas nós vibramos em outra freqüência
sabemos que não é bem assim
se fosse fácil achar o caminho das pedras
tantas pedras no caminho não seria ruim"

Outras Frequencias -  Engenheiros do Hawaii

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

"Um beijo de paz
Um raio de luz
Na festa do amor você me seduz
Na luz do luar,
No sol de verão,
Você é desejo e eu sou paixão"

"Mas talvez, você não entenda
Essa coisa de fazer o mundo acreditar
Que meu amor, não será passageiro
Te amarei de janeiro a janeiro
Até o mundo acabar"
Eu ainda quero ver o nascer do sol ao teu lado e tbm quero acampar...
Quero te desejar um Feliz Natal, mesmo que seja por telefone, pois natal agente passa com a familia...
Quero o teu abraço mais abertado, aquele que faz todos os ossinhos da minha coluna estalar no dia do meu aniversario...
Quero passar a virada de ano coladinha com você, de preferencia olhando o céu que se Deus quiser vai estar estrelado...
Quero dizer "Eu Te Amo" quantas vezes der vontade, quero te morder mesmo que doa, te abraçar mesmo que esteja suado, tentar ficar quietinha quando você estiver com sono...
Quero perder o meu medo de altura, confiar, acreditar... Quero estar com você na hora do almoço, mesmo que seja por uma hora apenas ou menos... Quero escutar o teu riso, sentir o teu abraço e me perder nos teus olhos...
Deitar no teu ombro, esconder a mão por baixo da sua camisa, sentir que ali é o lugar mais seguro do mundo, o mais aconchegante, o que me proporciona paz, carinho, amor... Sentir a tua mão afagando a minha cabeça e escondinha sem que vc perceba deixar escorrer aquela lagrima que tanto precisa cair...
Sentir que ali no seu abraço, no seu ombro eu sou feliz...

"Porque quando fecho os olhos, é você quem eu vejo; aos lados, em cima, embaixo, por fora e por dentro de mim." C.F

domingo, 12 de dezembro de 2010

Acordar as cinco da manhã, pegar estrada de moto, tentar ver o sol nascer e acabar vendo ele nascer na estrada mesmo... 
ver uma paisagem sem explicação, uma sensação de paz, deitar na pedra,comer batata, escutar musica e cochilar... 
Te Amo trem... 
Subir a serra, ser ameaçada rsrs "te jogo la em baixo".
Olhar o horizonte, não querer mais nada além daquela sensação, além daquele sentimento, além de Você...
Procurar uma "prainha" que na verdade era um açude, querer coca-cola e beber pepsi...
Olhar aquele céu azul, quase sem nuvens e imaginar que isso poderia- pode- ser quem sabe pra sempre..





terça-feira, 7 de dezembro de 2010

"Então, que seja doce. Repito todas as manhãs, ao abrir as janelas para deixar entrar o sol ou o cinza dos dias, bem assim: que seja doce. Quando há sol, e esse sol bate na minha cara amassada do sono ou da insônia, contemplando as partículas de poeira soltas no ar, feito um pequeno universo, repito sete vezes para dar sorte: que seja doce, que seja doce, que seja doce, e assim por diante. Mas, se alguém me perguntasse o que deverá ser doce, talvez não saiba responder. Tudo é tão vago como se não fosse nada.
Que seja doce o dia quando eu abrir as janelas e lembrar de você. Que sejam doces os finais de tardes, inclusive os de segunda - feira - quando começa a contagem regressiva para o final de semana chegar.
Que seja doce a espera pelas mensagens. ligações e recadinhos bonitinhos. Que seja (mais do que) doce a voz ao falar no telefone. Que seja doce o seu cheiro. Que seja doce o seu jeito, seus olhares, seu receio.
Que seja doce o seu modo de andar, de sentir, de demonstrar afeto. Que sejam doce suas expressões faciais, até o levantar de sobrancelha. Que seja doce a leveza que eu sentirei ao seu lado.
Que seja doce a ausência do meu medo. Que seja doce o seu abraço. Que seja doce o modo como você irá segurar na minha mão. Que seja doce.
Que sejamos doce. E seremos, eu sei."

Caio F.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Sentimento bom, tô leve... Em paz...

Ainda que o coração  aperte, com uma música, uma mensagem, uma imagem... E que escorra pelos olhos a saudade quando ganho um abraço, ainda me sinto bem...

Leve, em paz...

domingo, 5 de dezembro de 2010

tTe Amo "trem"...

14 horas e meia com Vc e eu não me arrependo de nem um segundo sequer...

De baixo de sol, ou de uma arvore qualquer... nas arquibancadas escutando musica e te vendo cochilar...
Se escondendo ou querendo entrar num fraldario ou "Flaudario" como brincamos... Dividindo Algodão doce e querendo pular na piscina... Bebendo alguns energeticos e andando de lá para cá... Terminando o dia deitados e dormindo de uma forma meio estranha... Escrevendo declarações nas nossas camisas... Indo para um lugar mais fresco e olhando o céu... Que eu acho lindo quando esta relampejando... 

Foi tudo que eu vivi ao seu lado hj e posso garantir que foi um dos dias mais felizes que eu já vivi...

Não esquece de guardar essas lembranças... Da melhor forma que vc puder.

sábado, 4 de dezembro de 2010

Em uma sexta-feira chuvosa, pela manhã, como está sendo a quinta de hoje, dentro do ônibus indo pra Passatempo, uma amiga muito especial, escrevia alguma coisa, meio de mal jeito na poltrona, sem ter onde apoiar direito, com a letra meio corrida, mais que ao me entregar o papel, me fez sentir uns arrepios percorrer pelo meu corpo inteiro, arrepios de emoção, ela tinha escrito, de forma sintetizada e bonita algo sobre mim, no qual eu a tinha pedido dias atrás.

"Ela sente tanto, é de riso fácil, intensa, é complicada e tão verdadeira, dona de um coração imenso, Difícil é dizer que não sente sua falta, daqueles olhos que devoram, que entendem...
Vontades insaciáveis, sentimentos que não compreende, feita de vírgulas e verbos, qualidades, adjetivos.
Ser em constante mutação, ponto de equilíbrio, referência de paz.
Dona dos melhores conselhos, das palavras de acalanto, do abraço mais confortante.
Ela é tantas, é mulher, é menina, é amiga, é amante, é namorada.Ela não se contenta com o pouco. É excesso em constante crescimento. Mas é perfeita, as vezes frágil, mas tão forte, que construiria imensos castelos para abrigar quem ama.

E nesse momento o sol rompe o céu e transforma aquele tempo ruim, nublado, em uns dos dias mais lindos e recordáveis da nossa memória."

Tarsila Alessandra.

Te amo amiga!

Retirado do Blog: Telephone de Granito
... O que você não pode, eu não vou te pedir
    O que você não quer, eu não quero insistir
    Diga a verdade, doa a quem doer
    Doe sangue e me dê seu telefone...

... Na verdade nada
    É uma palavra esperando tradução

    Toda vez que falta luz
    Toda vez que algo nos falta 
    O invisível nos salta aos olhos
    Um salto no escuro da piscina...


Piano Bar - Engenheiros do Hawaii

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

TE AMO...

Tava engasgado aqui dentro...

"Na verdade nada, é uma palavra esperando tradução"

Eu queria falar o que eu tô sentindo, mas isso resultaria em muitas lágrimas (minhas lagrimas)

Foge comigo? Me leva prum lugar bonito?
Só eu, vc e o céu sobre nossas cebeças... Foge comigo, ou me sequestra, ou deixa eu te sequestrar?
Eu só preciso de um tempo pro meu coração aquietar, é que é tanta coisa, que ta pesando... 
ta machucando...

O meu refugio é vc, minha proteção, meu abrigo... E essa noite eu só queria o teu abraço, alivio imediato... Nada mais...
É só medo, insegurança...
é precisar de mais de alguém a ponto de se sentir impotente...
é só medo de me arrepender...
é so pensar de mais...
é tudo o que me atormenta 
É tudo o que me incomoda... 
Sou eu e esses sentimentos e a minha voz que não me ajuda muito...
Foi o meu não... Foi a sensação que eu senti... Foi tudo o que eu vi...
É que eu não sei mais se é isso que eu quero... 
Não sei se vou suportar essas duvidas, incertezas, inseguranças...
Não sei se vou suportar esse medo continuo de te perder e não ver o que fazer...
Drama, melancolismo, sentimentalismo, pode ser isso tudo e mais...
São sentimentos, é o que ta dentro de mim é o que eu tenho 
e infelizmente não tem como não FICAR ASSIM...
"Não fique pela metade, vá em frente"
                                               
  
"Se eu tivesse a força
Que você pensa que eu tenho
Eu gravaria no metal da minha pele
O teu desenho
Feitos um pro outro
Feitos pra durar
Uma luz que não produz
Sombra"

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Você

Eu adoro o jeito como você diz o meu nome, adoro a força do teu abraço que estala cada ossinho da minha coluna, adoro o teu olhar, os teus olhos pequenininhos...
Amo o teu sorriso e cada palavra que sai da tua boca... E tem coisas que eu não esqueço, como o dia em que minhas mãos estavam frias e você disse que ia aquecê-las...
Eu amo ficar deitada com você, sentindo o teu abraço e fazendo o teu ombro de travesseiro, adoro quando tira o tênis e mais ainda quando tira as meias... E amei o fato de ter ficado com a calça do TG... Gosto tanto de ficar sentada em algum banco da praça e repousar minhas pernas sobre as tuas e dividir o açaí ou a casquinha do sorvete... E como eu amo a sua mania de guardar o pacotinho do trident e saber que foi eu quem te mostrou o pacotinho preto... (rsrs) Antes de você eu não tinha motivos pra ter medo, insegurança, e esse frio na barriga... Antes de você eu não tinha crise de riso e não sentia essa paz... Eu não ligava de sair sozinha e fazer algumas loucuras, não me importava em sair com amigos e deixá-los pra trás... Antes de você eu não era assim tão feliz, tão cheia de vida, de amor... Eu não tinha motivos pra gostar de dias de chuva e de frio... E não encontrava inspiração pra descrever o que eu sentia... Antes de você era um vazio sem explicação, hoje é tanto sentimento que transborda, às vezes pelos olhos, às vezes em sorrisos... Antes eu não ficava tão ansiosa pra chegar sexta-feira...Hoje eu tenho crise de ansiedade e brigo com o relógio... Antes nunca havia pedido alguém para ficar, nunca tinha dito que precisava de alguém, nunca pedi promessas, nunca pedi abraços... Mas isso foi antes de você...
Depois de você eu me encontrei, e te peço tantos abraços, e peço que prometa nunca me deixar e chorei no teu ombro nas escadas da igreja e te pedi pra ficar... E te pedi pra ser meu, só meu, para sempre meu...
Eu amo o calor que eu sinto quando te abraço, amo morder o teu pescoço e aquele “aiai vei”, amo olhar o céu e procurar a lua ao seu lado... E amo você, amo o nós, porque esse é o mais simples e o mais complicado... Porque isso é o amor que eu sinto por você




Tarsila Alessandra

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

As cartas que eu nunca mando...


  Escrita para acompanhar algum presente ( presente esse que tbm não foi entregue )
mas tava ali guardada, pedindo para ser lida e sei lá porque resolvi compartilha-la...

Seria entregue no dia 14/11/10

13/11/2010 Sábado 10:45 A.M.

Bom, nem sempre é fácil escrever uma carta. Ainda mais na situação em que nos encontramos.
Mas isso não muda o que eu desejo a você.
Desejo toda a Felicidade do mundo
Todos os dias de sol.
Toda estrela brilhante que habita o céu.
Desejo que veja os mais belos sorrisos.
Desejo que receba os mais sinceros abraços.
E que em cada olhar consiga ver a pureza dos sentimentos.
Desejo muitas emoções, muito frio na barriga e muito riso...
Desejo um pouco de saudade, mas só um pouco, porque às vezes saudade dói...
Desejo coragem e paciência para ir atrás do que almeja.
Desejo muita paz, calma, serenidade... Muito brilho no olhar, no seu olhar.
Que Deus te ilumine, acompanhe e fixe morada no teu coração... E que você saiba lidar com as adversidades dos dias.
Te desejo tanta coisa que fica difícil dizer aqui, mas eu tentei...
Na vida agente entra e sal por diversas portas e de varias maneiras, deixamos impressões nas pessoas e levamos algumas... Só quero que saiba que independente de qualquer coisa você deixou em mim o seu melhor sorriso, o abraço mais apertado e o olhar mais sincero.

Parabéns.
Te amo...
1º de Dezembro - Dia Mundial de Combate à AIDS
 
 
 
 
                                                                            CUIDE-SE